quarta-feira, 18 de março de 2009

lindas palavras vindas



"Árdua e descalça a procurar ausências em meus labirintos empoeirados.
Hoje eu amanheço vestida de coragem, cor e poesia.
É que tenho urgência em me despir das pedras para me cobrir até os ouvidos de ternura.
Não quero ser dúvida ou certeza, quero mais que o tempo de um sonho, quero uma vida ousada, como quem não se esqueceu que nasceu para as asas..."






3 comentários:

Flávia Jorge disse...

Eh laiá...
copia mesmo o texto do making of da revista... rsrsrsrs
(achou que ia ficar impune?)

Dani Luengo disse...

Nãããooo... por isso coloquei aspas!

:p

rsrsrsrs

Dani Luengo disse...

Nãããooo... por isso coloquei aspas!

:p

rsrsrsrs